Importante) Festa Brava regressa a Caracas (Venezuela)

Gran noticia la que transmite, en la TRIBUNA da TAUROMAQUIA, nuestro subdirector Jaime Martínez Amante :

FESTA BRAVA REGRESSA A CARACAS.
Uma tenta publica marcou o regresso da atividade tauromáquica à capital da República Venezuelana.
Foi realizada uma tenta pública, no passado dia 26 de Maio, de três novilhas no âmbito da feira agrícola "Agrocaracas 2024", um evento taurino que decorreu nas instalações de Fuerte Tiuna, em Caracas, que motivou o regresso da actividade tauromáquica à capital da Venezuela, após vários anos de inatividade.
Participaram os matadores de toiros, Otto Rodríguez, José Cariel "El Amarillo" e Fabio Castañeda, que lidaram três novilhas de ferro "Villafranca".
Recordar que a tauromaquia não está proibida na Venezuela por qualquer tipo de lei, e ao longo do ano continuam a realizar-se (em numero mais reduzido) eventos taurinos e até as suas mais importantes feira taurinas como San Cristóbal, Mérida e Tovar.
Na capital Caracas, desde vários anos que não se realizam eventos taurinos mas continua ainda majestoso o "Nuevo Circo de Caracas" (foto)
Além de históricos toureiros, na Venezuela encontram-se importantes ganadarias como Rancho Grande, El Prado, La Consolación, Los Aránguez ou Herdeiros de Juan Campolargo, esta ultima fundada pelo português João Campolargo. nascido nos Campos de Coimbra e que têm como divisa as cores da bandeira nacional( vermelho e verde).
Fotos de Luís Aramacuto.



Artículo Anterior Artículo Siguiente