Novilladas) Vila Franca, sí; en otros lugares... si te he visto no me acuerdo

Mariana Avó : a tarde em Vila Franca não foi boa...

TRIBUNA da TAUROMAQUIA / Fotos : D. R.
--------------------------------
Con altibajos propios de quienes empiezan, la novillada promovida en Vila Franca de Xira fue un éxito y al tiempo una vergüenza para otros "agentes taurinos" que pudiendo promover espectáculos así, que tan necesarios son para los primerizos, pasan del asunto, poniéndose de lado...
Produce tristeza, a modo de recordatorio, espectáculos como el de este sábado, en la Palha Blanco, porque nos recuerdan la gravedad del asunto, cómo en Portugal se huye de promover novilladas que tan necesarias son...

Em Vila Franca de Xira, ainda que com astados de Torre D´Onofre rejeitados pelo veterinario e substituídos -em cada caso- por ganado de Santos Silva, viveu-se uma jornada taurina de promoção aos novos valores, contou com meia praça de público e muita juventude nas bancadas de sombra e sombra-sol que foram as ocupadas.

No toureio apeado :

João Fernandes, um dos acartelados, é aluno da Escola de Toureio José Falcão de Vila Franca de Xira dirigida pelo maestro Vitor Mendes e co-dirigida pelo matador António João Ferreira.  O debutante Fernandes mostrou muito boas aptitudes para ler o que tinha por diante, ao tempo que mostrou muita serenidade e capacidade para aproveitar um astado que mostrou boas condições de lide. O público ficou muito agradado com o desempenho jovem que apresentou-se pela primeira vez em público.

O jovem Mexia já tinha algum caminho andado, quando este sábado prestava provas para continuar a ser aluno da Escola de Toureio e Tauromaquia da Moita do Ribatejo, mas já, desde agora, como novilheiro praticante. O astado não colaborou grande coisa para o bom desempenho proporcionando ao aspirante a toureio, aluno do professor Joaquim Ribeiro "Cuqui", muito trabalho para evitar uma faena deslucida, e deixando João Mexia expectativas altas cara ao seu futuro.

no caso do Joaquín Manzuz as coisas se complicaram, por confiança excessiva. Também porque ajudou a isso... que este jovem teve por diante um exemplar colaborante e que tinha realmente transmissão; o rapaz, apoiado no entusiasmo do público, em virtude da lide empolgante que protagonizou de menos a más,  acabou por sofrer algum percalço e confiar-se em demasia. Ainda assim, outro jovem com ganas de ser toureiro que não defraudou.

Jairo López teve una tarde pouco afortunada. O exemplar  que teve diante não colaborou e... no empenho do novilheiro em agradar perdeu as vezes os trastos de tourear e aquilo nunca "rompeu" para melhor ao longo da lide. 

No toureio a cavalo :

Para Mariana Avó esta era uma tarde importante porque significava a sua última actuação como cavaleira amador antes da prova de cavaleira praticante a prestar e anunciada para o Festival Taurino de Samora Correia previsto para o próximo dia 28 de Abril de 2024.
Mariana Avó não teve muito bom desempenho que digamos e ficou algo frustrada nos seus desejos ostensíveis de agradar : a cavaleira amadora sentiu bastantes dificuldades para manobrar diante daquele exemplar de Santos Silva e acabou por não ultrapassar as dificuldades que apresentou o astado.
Pega consumada à primeira tentativa pelos Forcados Amadores de Vila Franca de Xira a cargo de Miguel Faria. Volta à arena para o forcado.
"Vila Franca, ontem não foi a tarde que sonhei e desejei dar a todos os aficionados!
Agradecer a todos os que sempre me apoiam e que conto com todos para dia 28 de Abril em Samora correia em mais um importante dia na minha ainda curta carreira!",
refere este domingo Mariana Avó
Cavaleiro practicante, Nelson Lavajo tem ainda muito que practicar... se quere chegar ao que sonha. Em Vila Franca não teve uma tarde feliz. Lidou um novilho da ganadaria de Santos Silva que pedia os papeis... novilho complicado e jovem cavaleiro praticante que mostrou-se falto de soluções para o problema "gordo" que tinha que resolver... toques nas monturas, desencontros, "faena" em negativo que não agradou ao público presente. Já finalmente, pega à primeira tentativa protagonizada pelos Forcados Amadores de Vila Franca de Xira, a cargo de Rodrigo Camilo que deu volta à arena.



Artículo Anterior Artículo Siguiente