"Sevilha de Abril" : o prémio da Porta do Príncipe, nos versos taurinos de Manuel Peralta


Sevilha de Abril

Na Real Maestranza em tarde de vento
Que destapa toureiros n’alguns momentos
Lidar de capote e muleta um tormento
Nem para todos tais atrevimentos
Mas em tarde de toiros há sempre alguém
Que desafia a morte na arena dourada
Enfrentado o silêncio de respeito porém
Cobrindo o medo com acção aprumada
O prémio pode a Porta do Príncipe abrir
Se com destemor o valor toureiro surgir

Manuel Peralta Godinho e Cunha
Abril de 2023

-------
tribuna da tauromaquia 
by MANUEL PERALTA GODINHO E CUNHA
Blogue PARTEBILHAS
Recuerde : imágenes a mayor tamaño si hace click sobre ellas).
-------

Artículo Anterior Artículo Siguiente