Tribunal dice no tener tiempo, Cámara Municipal no afloja y... la tourada de Vila do Conde se suspende


Não haverá corrida de touros, este sábado, em Ferreiró, Vila do Conde. O Tribunal entendeu não haver tempo para analisar a providência cautelar interposta pelo empresário Paulo Pessoa de Carvalho e a "Juntos Pelo Mundo Rural". Assim sendo, a Câmara Municipal de Vila do Conde mantém a sua decisão: não licencia o recinto.


No habrá corrida de toros este sábado en Vila do Conde. El Tribunal al que habían apelado los promotores de la corrida de toros, tras los obstáculos puestos por la Câmara Municipal de Vila do Conde y su antitaurino presidente, advirtió -según los promotores del espectáculo- de que de que "não poderá, em tempo útil, condenar o Município de Vila do Conde e o seu Presidente a permitir a realização da corrida de touros".

La asociación "Juntos Pelo Mundo Rural" anunció esta noche la suspensión de la corrida y anunció la celebración de la misma, en fecha próxima, que -dijo- anunciará oportunamente, por lo que los bilhetes ya vendidos tendrán validez para la nueva fecha.

La Câmara Municipal de Vila do Conde y su presidente, de momento, guardan silencio tras lo anunciado -notificado- por el Tribunal Administrativo de Porto, que es quien entiende en el caso que nos ocupa. Unicamente los promotores de la corrida que queda suspendida (aplazada) pero no anulada, se pronunciaron a través de la siguiente nota :
"A #JuntosPeloMundoRural foi hoje notificada pelo Tribunal Administrativo do Porto de que não poderá, em tempo útil, condenar o Município de Vila do Conde e o seu Presidente a permitir a realização da corrida de touros, ou seja, até amanhã, às 17.00h.
Aceitamos a justificação do Tribunal e decidimos adiar a realização da corrida.
Anunciamos brevemente a nova data.
Lamentamos todo o esforço e investimento público levado a cabo pelo município e o seu presidente para obstar à realização deste evento, mas infelizmente terá de gastar mais meios e dinheiros de todos nós, pois não vamos deixar cair este processo.
Os bilhetes já adquiridos são válidos para qualquer data em que se venha realizar o evento e quem não puder estar presente nessa data tem direito total reembolso.
A manifestação também está adiada para o dia da realização da corrida.
Que linda é aquela praça de toiros em Ferreiró - Vila de Conde...
Viva a Tradição Tauromáquica!"